Voltar


Segurança

Depois de uma semana hospitalizado morre homem que a mulher incendiou

Segurança

há 7 dias


22/02/2021 22h37

 

Santa Rosa do Sul- Na tarde do último domingo dia 21, o homem que a mulher colocou fogo no dia 14 deste mês, acabou falecendo no Hospital Regional de Araranguá. A vítima, Vanderlei Tomaz Roldão, era morador de Santa Rosa do Sul e faleceu após sete dias de internação, devido as queimaduras provocadas por sua companheira.

Vanderlei que teve queimaduras graves na região do pescoço não resistiu aos ferimentos e morreu na unidade hospitalar. O corpo foi encaminhado para Instituto Médico Legal (IML) de Criciúma e posteriormente entregue à família.

 

Entenda o crime

 

O crime aconteceu por volta das 16 horas do dia 14 de fevereiro, na Vila São Cristóvão, em Santa Rosa do Sul. Incialmente a PM teria ido até o local, por volta das 14h30min, para atender uma ocorrência de violência doméstica e conversou com Vanderlei, que contou que sua companheira havia saído de casa antes da chegada da guarnição policial, autorizando a entrada dos policiais em sua casa, para averiguação de uma possível ocorrência de violência doméstica, mas nada foi encontrado.

No dia do crime, a PM chegou a ser acionada três vezes para ir até a mesma residência e, em um dos atendimentos, a mulher disse que se o homem não saísse de casa, ela iria matá-lo. Segundo a mulher, ele agrediu sua filha de 15 anos e contra ele havia uma medida protetiva. Na casa, havia cinco crianças que ficaram aos cuidados do Conselho Tutelar.

Na última ida da PM ao local, o homem estava ferido com queimaduras. Segundo a própria vítima, estava sentada no sofá da sala, quando sua companheira jogou álcool sobre seu corpo e ateou fogo.

Fonte: Correio do Sul

Fonte: Portal Agora Sul


(48) 3535-1256

(48) 99134-0042

Rua Silvio Boff, 348 Bairro Paraguai
Jacinto Machado/SC - CEP: 88950-000

Copyright 2019 - Jornal Volta Grande